NO SINTÉTICO SÓ JESUS!

Tinham condições piores para uma estréia?

Por Otacílio Leite em 11/07/2019 às 11:59:47

Se você pudesse escolher o local da estréia de Jorge Jesus, você escolheria mata-mata da Copa do Brasil na Arena da Baixada? O Athetico Paranaense não chega a ser um bicho papão fora de casa, mas na sua absurda Arena de grama sintética qualquer jogo vira frenético. 

Jorge Jesus na sua estréia começou assustando os torcedores quando colocou Rodinei, Arão e Vitinho no time titular, alí já parecia que o técnico iria transformar água em vinho (último trocadilho de faço) e os três cumpriram o esperado e jogaram mal, aliás o gol do Athetico Paranaense veio de uma bola desviada do Arão e a desatenção de Vitinho e Rodinei deixando Léo Pereira livre.

Quem realmente fez milagres divinos (desculpa, eu disse que seria o último trocadilho) foi o querido VAR que anulou corretamente 3 gols Atheticanos e um pênalti, muito me lembrou o jogo Brasil x Venezuela.

Depois do gol Atheticano Jorge Jesus soltou as feras Diego e Everton Ribeiro para criar uma pressão do meio pra frente, e funcionou pois Gabigol depois de mil chances perdidas empatou o jogo em um belo gol de cobertura, aliás gabigol é o jogador que mais participou de gols no Elenco Rubro-Negro, já são 18 gols em 27 jogos.

O time de JJ teve poucas chances de gol mas foi objetivo saindo com um bom resultado da Arena da Baixada, agora o Flamengo enfrenta o Goiás domingo pelo campeonato brasileiro e provavelmente contará com a estréia de Rafinha. Que venham mais milagres, SRN.


Bahamas outdoor 2
Bahamas outdoor 3
Linameg 2